Prêmios de Embalagem e a Síndrome Autocongratulatória

No blog “myprivatebrand” de 15 de Março de 2012, Perry Seelert, parceiro estratégico da united* dsn, uma consultoria de design em Nova York e São Francisco, escreveu sobre o que chamou de “A Síndrome Autocongratulatória”.

Eu extraí e interpretei livremente algumas de suas palavras:
Os prêmios da indústria parecem ter se tornado meio loucos com todas as revistas e sites tendo seus próprios vencedores da “embalagem do ano” e “design de embalagem do ano”. Se esses prêmios fossem mais seletivos seriam mais significativos, mas em muitos casos, recompensam um design medíocre. Aparentemente, organizar eventos de premiação representa apenas dinheiro para as empresas de mídia.
Através de um olhar crítico, ainda há muito potencial para transformar a maneira como a indústria se projeta, e impulsionar um marketing e branding mais confiáveis. Mas, sendo honestos, a linguagem visual e ambiental desses shows luta contra isso.Muitas vezes, as agendas são a epítome da “Síndrome Autocongratulatória”: oradores monótonos apresentando estudos de caso com “palavras inovadoras” como “NOVAS ideias”, “compare & economize” ou talvez um novo “classe valorizada”. Nada disso significa “inovação”.
Elogios demais e poucas críticas, ultimamente. Um pouco mais de crítica poderia estimular novas ideias, novas marcas e uma nova forma de medir o nosso sucesso.

Tide PODS Liquid Unit Dose Laundry Detergent by Procter & Gamble

Devo dizer que concordo plenamente com Perry. Há prêmios de embalagem demais e eles não têm qualquer valor. No entanto, dito isso, há alguns Prêmios (na realidade muito poucos) no mundo de embalagem que são muito valiosos. Indiscutivelmente um dos melhores é o Prêmio DuPont Packaging. Pelo menos o DuPont é respeitado e, consequentemente, recebe entradas de qualidade, suficientes para ser capaz de apresentar um relatório dos jurados bem fundamentado. Felizmente os jurados da DuPont não estão cegos pelos gráficos e formas fantásticas, mas incluem melhorias adequadas na tecnologia das embalagens em seus julgamentos. Eu não concordo com todas as suas escolhas, mas pelo menos o DuPont surge, a cada ano, com um quinhão de verdadeiras inovações em embalagens. E isso é algo que você não pode dizer sobre a maioria dos concursos de premiações de embalagem.

Prêmios DuPont Packaging 2012
Várias marcas líderes, como Heinz, Kraft, Cadbury, Pepperidge Farm, e Unilever, levaram prêmios para casa no 24º DuPont Awards para inovação em embalagens, a celebração de maior duração na indústria global, independentemente julgando a inovação e colaboração em toda a cadeia de valor.

Eu fiz uma seleção dos vencedores, os quais acho valer a pena um olhar mais atento. Em dois artigos (cada um com três inovações) vou descrever os seguintes vencedores:
1. A tecnologia de embalagem FreshCase para carne.
2. O YES Pack da Kraft.
3. A Preservação Ultrafresca no sistema de Congelamento.
4. O pote para creme da Sulhwasoo Dahamsul.
5. O Tide PODS Unidade para Detergente Líquido para Lavar Roupas.
6. E, finalmente, a tecnologia micro-celular de InCycle CPET.

Embalagem FreshCase para Carnes Vermelhas Frescas
A embalagem FreshCase, desenvolvida pela Curwood Inc, reivindica ser a primeira embalagem a vácuo para carnes vermelhas que mantém a cor apetitosa da carne através de um aditivo, de propriedade, encontrado na natureza, em contato com a camada de barreira da embalagem.

Carne embalada a vácuo tradicional é “roxa”, o que é considerado desagradável por muitos consumidores que associam as cores com frescor. A embalagem FreshCase também estende a vida útil 10 vezes mais em relação à carne embalada na loja.
A combinação de vida útil mais longa e aparência mais atraente promete tanto reduzir resíduos e desperdício de alimentos como aumentar a disponibilidade de proteínas em regiões mais distantes de fontes alimentares.

Como alternativa para atmosfera modificada (MAP) e bandejas de poliestireno expandido (EPS) com um invólucro de PVC, que dominam o segmento de carnes embaladas, a FreshCase permite redução de 75% nos resíduos: menos resíduos nos aterros sanitários e redução de material de embalagem em até 75%, em comparação com outros formatos embalados, melhorando assim a sustentabilidade.
Comparado às embalagens de EPS/PVC prontas que são centralmente embaladas, a embalagem FreshCase elimina os inconvenientes estéticos de embalagens lavadas com fluxo de gás oxigênio, como “ossos negros”. Também elimina o excesso de embalagem comum em embalagens lavadas com gás, devido à quantidade superior de espaço necessária em embalagens MAP.

A FreshCase embalada a vácuo é hermeticamente fechada, eliminando o problema de vazamentos de embalagens de carne no varejo, carrinho de compras e caixa.
A embalagem FreshCase é aprovada pelo USDA para uma vida útil até 36 dias para carne do músculo inteira e 34 dias para carne moída.

De acordo com os jurados da DuPont Award, a embalagem FreshCase aborda um esforço importante para ajudar a garantir que os alimentos mantenham seu valor nutricional e frescura e reduz o desperdício de alimentos por deterioração.

Kraft YES Pack, Embalagem abre-fácil para Condimentos
Em novembro de 2010 eu escrevi neste blog sobre a Smart Bottle da ExoPack. A “Garrafa Inteligente” da Exopack apresenta uma bolsa com quatro cantos selados que é moldada por sopro em uma “garrafa”. Após o enchimento, os quatro selos formam os quatro cantos verticais de uma “garrafa” leve, semirrígida com rosca, o resultado da fusão de diferentes tecnologias de embalagem.

Nessa época eu havia informado que a embalagem ainda não estava disponível comercialmente, mas havia sido testada em tamanhos que iam de um ½ galão até 5 galões. Ela podia conter tanto conteúdos secos ou líquidos e podia ser impressa em todos os quatro lados.
E aqui está ela introduzida no mercado pela Kraft Foods.

A Kraft YES Pack, cuja palavra YES significa Yield, Ease, Sustainability (Rendimento, Facilidade, Sustentabilidade), é uma embalagem flexível e ambientalmente amigável para frascos de molhos. A YES Pack é concebida para ajudar os operadores de foodservice a gerenciar custos e melhorar a eficiência na casam com o rendimento dos molhos melhorado em até 99% (em comparação com frascos rígidos). O design com duas alças permite o transporte fácil e o bico menor fornece precisão de fluxo.

Em comparação com a produção do frasco rígido, a empresa afirma que a embalagem YES é feita com 50% menos energia, 60% menos plástico, e 70% menos emissões de CO2 do transporte.

A Yes Pack é uma bolsa stand up, feita a partir de um filme flexível com uma mistura de nylon e polietileno, com alças duplas, e uma tampa de rosca rígida que substitui o recipiente tradicional de plástico rígido para molhos de saladas.

“Nós eliminamos 70% do transporte necessário para produzir nossos recipientes de molho de salada devido aos caminhões não terem que entregar as garrafas vazias a Kraft”, afirmou a empresa. “Agora, nós fabricamos a Yes Pack no mesmo local onde o nosso molho é produzido”.

A Kraft firmou parceria com a PE International, uma empresa de consultoria em sustentabilidade, para realizar uma Avaliação de Ciclo de Vida que quantificou os benefícios ambientais da Yes Pack. A Avaliação do Ciclo de Vida é um método padronizado de avaliação de impactos ambientais ao longo do ciclo de vida de um produto desde a produção de matéria-prima, fabricação e uso, e todo o percurso até seu descarte.

A embalagem é mais compacta do que frascos rígidos e achata quando vazia, o que pode facilitar o descarte de resíduos e baixos custos de remoção. Quando se trata de reciclagem, a garrafa rígida original é realmente mais fácil de reciclar, pois a Yes Pack pode não ser aceita para a reciclagem em todas as áreas. No entanto, a Kraft afirmou que embora a garrafa rígida original seja mais aceita por programas de reciclagem, sua taxa de reciclagem tem sido baixa.

Por enquanto, a Yes Pack é destinada somente aos molhos de salada da Kraft Foodservice.

Embalagem com Eletro-condutividade que ajuda a manter Alimentos Congelados ‘Frescos’
A Preservação Ultrafresca no sistema de Congelamento, usando o “Potencial Elétrico” alto e Embalagens eletro-condutivas, é desenvolvida pela Mutsumi Chemical Industry Co Ltd, em colaboração com a Sun Electric Company Ltd e a Enshu-Kasei Co Ltd, todas do Japão.
A combinação de congelamento rápido e do inovador saco eletro-condutivo preserva o sabor dos alimentos e a textura, reduzindo a quantidade de alimentos descartados.

A Preservação Ultrafresca no sistema de Congelamento utiliza tecnologia comprovada da indústria de eletrônicos para garantir a qualidade dos alimentos e aumentar sua vida útil e atratividade. Este sistema de congelamento rápido usa tanto corrente alternada quanto contínua, “potencial elétrico” elevado, ao mesmo tempo para resfriar rapidamente o produto sem oxidação, reduzindo o tamanho dos cristais de gelo que se formam nas células dos alimentos. Este processo se baseia em um desenho único de embalagem incluindo um saco eletro-condutivo feito de PEBD Linear e DuPont Entira AS.

O saco eletro-condutivo precisa de algumas explicações.
Antiestático, dissipador eletrostático (ESD) e aditivos condutivos migram antiestáticos que se difundem para a superfície do polímero ao longo do tempo, criando uma fina camada que atrai as moléculas de água. As moléculas de água proporcionam uma via condutora que impede o acúmulo de eletricidade estática. Os aditivos antiestáticos reduzem a resistividade na superfície do polímero na faixa de 1010 a 1012 ohms/sq. , proporcionando uma taxa lenta de perda estática que evita o acúmulo de carga.
Antiestáticos são amplamente utilizados em embalagens como filmes, recipientes termoformados e garrafas PET, nos quais ajudam a separar as superfícies durante a produção e reduzir a atração de poeira para uma melhora estética em curto prazo.

Polímeros dissipativos intrinsecamente (PDI) formam uma matriz de polímero condutivo ou uma rede interpenetrante com o polímero base, evitando a lixiviação, com dissipação estática permanente a uma taxa de decaimento estático mais rápido do que antiestáticos migrando tipicamente de 108 a 1012 ohms/sq. , resistividade de superfície, dependendo da quantidade e dispersão do aditivo no polímero. Ao contrário do antiestáticos migratórias, a maioria dos PDIs operam praticamente independente da umidade relativa do ar, apesar da resistividade superficial ser um pouco maior (menos condutivo) em níveis baixos de umidade. PDIs podem ser coloridos, não descamáveis, dando-lhes uma vantagem sobre os de carbono negro.

A linha de modificadores de alto desempenho da DuPont Packaging & Industrial Polymers conferem propriedades específicas desejadas para uma grande variedade de polímeros. O primeiro produto na linha DuPont Entira introduzido globalmente foi o Entira AS. Desenvolvido pela DuPont-Mitsui Polychemicals Co Ltd, uma joint venture entre a DuPont e a Mitsui Chemicals Inc, o Entira AS oferece excelentes propriedades anti-estáticas, selagem com alta frequência e uma alta permeabilidade à umidade.
A Entira Antistat IDP da DuPont baseia-se em um ionômero de etileno, que faz com que seja compatível com poliolefinas, bem como outros polímeros, como ABS e poliestireno. Esta compatibilidade resulta em transparência e superfície lisa para embalagens poliolefinicas e recipientes moldados por sopro. Porque não ocorre migração, o Entira AS não interfere nas propriedades de selagem do filme.

O Entira Antistat SD 100 tem aprovações para contato com alimentos e mantém a resistividade entre 107-1012 em baixos níveis de umidade relativa (baixado para 12-15%), mas está limitado a temperaturas de processos mais baixas.

Estes foram os três primeiros vencedores dos Prêmios DuPont Packaging 2012. O próximo artigo tratará sobre o pote do creme Dahamsul Sulhwasoo, os PODS Tide  – Unidade de detergente líquidos para roupae e por último da tecnologia micro-celular da InCycle TCPE.

Texto revisado por Fabiana Paciulo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s