Latas para Bebidas Feitas de Papelão

Caipirinha da marca Shatler embalada em uma CartoCan

Em junho do ano passado, escrevi que “Devemos esperar uma revolução na indústria de engarrafamento”. Parece que a revolução já está acontecendo, pois temos visto recentemente alguns desenvolvimentos muito interessantes em latas para bebidas. Não, não se trata da tradicional lata de metal, mas sim latas feitas a partir de papelão. Estes desenvolvimentos são pioneiros tanto em latas assépticas como na área de embalagens de papelão.

Após a entrada no mercado da Cartocan, em 2010 (no segmento de bebidas energéticas de 250ml) na Alemanha desenvolvida, um novo pedido de Euro patente (EP 2017178) surgiu, relativo a uma lata idêntica para bebidas feita a partir de papelão. O terceiro desenvolvimento, embora não para o segmento de bebidas, mas sim para óleos de motor, é da Sonoco no Reino Unido.

Kirei no Susume, lançada pela Shiseido no Julho de 2010, embalada em uma Cartocan

Por que estes desenvolvimentos em latas de papelão para líquidos? Latas de bebidas, tradicionalmente feitas de metal, alumínio ou folha de flandres, tornaram-se mais caras nos últimos anos, enquanto o papelão manteve-se consistentemente mais barato. Mas há mais uma razão.
Latas de papelão são favorecidas pelas leis Européias de embalagens. A lata de papelão é classificada como “Embalagem ecologicamente favorável”, uma tipificação alemã em suas “leis de embalagens”, que adiciona 25 eurocents (65 centavos,como um depósito de imposto reembolsável para embalagens) ao preço de todas as latas de metal de bebidas revendidas.

Não é de se estranhar, claro, que todos os três desenvolvimentos sejam europeus. Nos EUA não existe um imposto sobre as embalagens, reembolsável ou não, com o objetivo de proteger o meio ambiente e estimular a reciclagem e, consequentemente, não vemos, como observado na Europa, a implementação das “leis de embalagem” estimulando desenvolvimentos para formatos de embalagens mais ambientalmente amigáveis.

Vamos olhar detalhadamente estas três latas de papelão para bebidas:

A lata Composta
Corpos ocos de papelão não são novidade. Há séculos utilizamos os conhecidos tubos de papelão enrolado e latas de papelão, porém nunca para bebidas. Nós todos conhecemos a lata composta ou a lata de papelão utilizada para acondicionar produtos secos e algumas vezes para produtos pastosos, tais como cremes, bálsamos e produtos a base de óleo.

EcoPak produzido por Chicago Paper Tube & Can Co Inc

Embora muitas vezes visto como um formato de acondicionamento simples para produtos simples (veja meu post: “EcoPak e Ecocentric – What’s in a name?”  – EcoPak e Ecocentric  – O que está em um nome? ), existem alguns exemplos brilhantes de design usando a lata composta no mercado de classe alta. Um desses exemplos é a linha de produtos Biznaga de especialidades gourmet espanholas.

A lata composta ou tubo de papelão é basicamente um recipiente redondo, composto por um corpo com duas extremidades, que são feitas a partir de uma variedade de materiais. A embalagem pode ser produzida em diferentes formas e tamanhos. O corpo do recipiente é feito de papel, materiais de revestimento diferentes para atingir os requisitos de barreira e muitas vezes com etiqueta para impressão gráfica.

A CartoCan
A nova lata de papelão, feita por Michael Hörauf Maschinenfabrik GmbH em Donzdorf / Alemanha e comercializada sob a marca Cartocan, é altamente inovadora e totalmente apropriada para substituir as onipresentes  latas de metal de 250ml para bebidas energéticas.
A CartoCan é a nova alternativa de embalagem de alta qualidade para as latas de folha de flandres e de alumínio. Seu formato esbelto, cilíndrico e seguindo as tendências, permite um claro posicionamento do produto no ponto de venda.

Com a CartoCan, como formato de embalagem, Michael HörAuf oferece um sistema completo para a produção de embalagens, esterilização e enchimento de bebidas e alimentos, com uma vida útil de 12 meses. Além do envase asséptico da CartoCan, a empresa garante que o tratamento térmico suave mantém o sabor, textura, aroma e cor do produto, uma vez que sofre o processamento ideal, segundo a empresa.

Fibra de madeira é, em condições ecológicas, uma matéria-prima natural, renovável e reciclável. As propriedades do material juntamente com o processo de fabricação e reciclagem ambientalmente amigável garantem que a CartoCan apóia as políticas ambientais.
A CartoCan pode ser preenchida com diversos tipos de bebidas como: lácteas flavorizadas, chás, sucos de frutas e bebidas energéticas.

O fornecedor de sistemas completos IPI s.r.l. em Perugia / Itália, é um dos parceiros do sistema da CartoCan e fornece o material que é especialmente desenvolvido para este produto. Isso assegura a compatibilidade total entre o equipamento e o material.

A estrutura multi-camada é projetada para oferecer uma barreira protetora para os produtos acondicionados. Sua integridade estrutural garante a preservação do conteúdo durante toda a sua vida de prateleira.

As latas Cartocan (capacidade de 200-250 ml) têm laminados de barreira de papelão (camadas de alumínio ou EVOH dentro e fora são opcionais), impressão flexográfica, sleeve termoencolhível impresso em 5 cores, e uma grande variedade de modelos.

As Cartocans podem ser recicladas da mesma maneira que as caixas de leite da TetraPak ou da SIG Combibloc.

A lata de papelão da Keienburg
Recentemente, surgiu um novo pedido de Euro patente (EP 2017178 em alemão), relativo a uma lata para bebidas, feita identicamente a partir de papelão. Ainda não existe nome oficial para a marca desta lata, então eu irei chamá-la por enquanto, pelo nome de seu inventor: Günther Keienburg.

Olhemos primeiramente o resumo da EP 2017178 (A2): “O corpo consta de uma camada enrolada em paralelo de material contendo celulose sob a forma de papelão e / ou cartão e uma camada funcional à prova de líquidos. Uma superfície de revestimento interno, em contato com o conteúdo do recipiente, inclui uma camada de barreira de copolímero etileno vinil álcool (EVOH) com um peso de 10 gramas por metro quadrado. A parede do recipiente de papelão inclui quatro camadas de papelão sulfato com peso de 250 gramas por metro quadrado. O material contém revestimentos de polietileno e poliamida”.

É um desenvolvimento de Keienburg Agentur für Verpackung GmbH em Rhauderfehn / Alemanha, que, junto com as latas, oferece unidades de produção para armar o corpo da lata. Isto dá aos fabricantes de bebidas a oportunidade de produzir as latas de papelão direto na fonte, eliminando os altos custos de transporte e armazenamento de latas de metal vazias.
Para produzir a lata de papelão, somente são fornecidas as bobinas de papelão, as tampas e bases das latas. Uma bobina de 1,22 m de diâmetro e 15 cm de largura equivale a 4.000 latas. As unidades de produção oferecidas pelo Keienburg seriam capazes de produzir mais de 40 mil latas de papelão por hora.
As linhas de enchimento utilizadas atualmente precisam de modificações simples para processar as latas de papelão devido às extremidades iguais as das latas de alumínio padrão. Este sistema de produção recém-introduzido afirma economizar até 30% dos custos de produção.

A diferença entre a Cartoncan e a lata de Keienburg é que a Cartoncan usa uma fita adesiva para cobrir e fechar o orifício para beber no topo da lata, enquanto a Keienburg utiliza a cobertura padrão de latas de metal, criando uma lata para bebidas quase idêntica a que conhecemos. Esta diferença na construção da lata é importante, pois a lata de Keienburg é projetada para bebidas carbonatadas, assim como sua “cópia” de metal.

A lata de papelão Sonoco para óleos de motor
Mês passado, a Sonoco, maior e mais antigo produtor de latas/tubos de papelão do mundo, também entrou no mercado de latas de papelão para líquidos, através da sua subsidiária no Reino Unido. No entanto, não para o segmento de bebidas como nos dois casos anteriores, mas para óleos de motor.

A solução da Sonoco era um recipiente de papel rígido com terminações de metal, oferecendo a mesma aparência do produto e proteção para os líquidos, mas a um custo menor e utilizando materiais muito mais sustentáveis. De acordo com a Sonoco, a lata de papelão com tampa superior de rosca é durável o suficiente para garantir os quatro anos de validade do produto.
Além disso, a empresa afirma que o recipiente de papel rígido demonstra significativas melhorias econômicas e ambientais em sua avaliação de ciclo de vida, quando comparado com a lata de aço, que é geralmente utilizada no mercado de óleos de motor. Isso não só resulta em uma redução de 27% no peso do material, reduzindo consequentemente os custos do transporte e manuseio, mas também resulta na redução de 34% em insumos energéticos, redução de 20% nas emissões de gases de efeito estufa e uma redução de 2% em substâncias químicas nocivas.

O Futuro
Agora comece a pensar. Use sua imaginação.

Alguns meses atrás eu escrevi sobre a nova garrafa de papelão da Tetra Evero Aseptic. Embora eu ache que a Sonoco está usando seus tubos de papelão e cortando-os nos tamanhos necessários, HörAuf e Keienburg estão enrolando a folha de papelão de forma semelhante à Tetra para sua Evero.
A lata Keienburg usa extremidades de alumínio como as que são comumente utilizadas para latas de metal de 3 peças. A Tetra está usando um ombro / pescoço de plástico colado ao corpo de papelão.
Você pode notar que uma lata de papelão de Keyenburg montada com um ombro / pescoço resultará em uma lata de papelão com uma extremidade inferior de alumínio ou de plástico e um ombro / pescoço, resultando em uma garrafa completa com a facilidade da tampa de rosca.

Compare também o desenvolvimento da lata da Aisa, escrevi em meu artigo “A Tetra Evero e o AisaCan – A Revolução de Garrafas de Multi-Materiais”.

Uma evolução fascinante em garrafas e latas para bebidas nos espera.

Nota: Eu não encontrei o site da Keienburg, mas aqui está o endereço completo, para quem quiser contatar a empresa: Keienburg Agentur für Verpackung GmbH, Rajen 21, 26817 Rhauderfehn, Alemanha.

Texto revisado por Fabiana Paciulo

5 Respostas para “Latas para Bebidas Feitas de Papelão

  1. Pingback: Latas para Bebidas Feitas de Papelão «·

  2. Vcs teriam algum video da confecção das latas e se podemos fazer isto de uma maneira artesanal???

  3. Boa tarde Sr. Anton, saberia indicar um fabricante nacional dessa lata composta de papelão (EcoPak e Ecocentric), pois sou produtor da finíssima Flor de Sal e estou em busca de uma embalagem super especial para meu produto que é 100% artesanal, agradeço desde já atenção.

    • Roberto, infelizmente não posso ajudar. Não conhece um fabricante em Brasil, mas com certeza há fabricantes nacionais que estão rolando bobinas de papelão ou tubos de papelão. Esse tipo de embalagem é cortado de uma bobina longa.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s